maio 31st, 2011

...now browsing by day

 

Criando aplicativos para o Mac OS X no GNU/Linux

terça-feira, maio 31st, 2011

Introdução, download e execução

Introdução:

Neste documento disponibilizo de maneira objetiva e clara, de como criar aplicativos para o pacote super-proprietário da Apple MacOS X. Como não é qualquer usuário que pode se dar ao luxo de adquirir um MacBook apenas para criar programas compatíveis, acredito que este texto será de grande utilidade.

Compilação cruzada é a técnica capaz de criar códigos binários para uma plataforma de hardware e software diferente do ambiente no qual o compilador esta instalado. Ou seja, no ambiente GNU/Linux seremos capazes de criar binários para o Mac OS. Abaixo os requisitos de software para efetuar toda a compilação com sucesso.

Requisitos:

Antes de iniciarmos, devemos obter os itens abaixo. Ressalto que o SDK do Mac OS X deve ser obtido diretamente no site da Apple por questões de licenciamento.

Instalação e configuração:

Primeiramente devemos descompactar o pacote odcctools mencionado anteriormente e também disponibilizado o link para download.

# tar -jxvf odcctools-20090808-gcc-5247-bin.tar.bz2 -C /

Na próxima etapa devemos converter a imagem DMG do SDK da Apple para IMG com o utilitário dmg2img:

# dmg2img xcode_2.2.1_8g1165_018213632.dmg

dmg2img v1.6.1 is derived from dmg2iso by vu1tur (to@vu1tur.eu.org)
xcode_2.2.1_8g1165_018213632.dmg –> xcode_2.2.1_8g1165_018213632.img
reading property list, 5740 bytes from address 863457792 …
decompressing:
opening partition 0 … 100.00% ok
opening partition 1 … 100.00% ok
opening partition 2 … 100.00% ok
opening partition 3 … 100.00% ok
Archive successfully decompressed as xcode_2.2.1_8g1165_018213632.img

Após a conversão, monte a imagem recém-criada no seu sistema de arquivos, não esqueça de carregar o módulo do kernel hfsplus.

# modprobe hfsplus
# mount -t hfsplus -o ro,loop xcode_2.2.1_8g1165_018213632.img /mnt

Agora copie o arquivo Archive.pax.gz para a pasta /opt/mac/SDKs e utilize o comando gunzip junto ao pax para descompactá-lo.

# cp /mnt/Packages/MacOSX10.4.Universal.pkg/Contents/Archive.pax.gz /opt/mac/SDKs
# cd /opt/mac/SDKs
# gunzip -c Archive.pax.gz | pax -r

Para finalizar a configuração do ambiente, insira o caminho da pasta bin na variável ambiental PATH ou se preferir utilize o comando abaixo:

# PATH=$PATH:/opt/mac/bin

Compilando um programa para o MAC

Para a brincadeira ficar divertida, compilaremos o md6sum disponível no SourceForge. Faça o download do código fonte e descompacte com o tradicional comando tar -zxvf e logo em seguida entre na pasta.

Link para download:

# tar -zxvf ../md6sum-1.0.tar.gz
# cd md6sum-1.0/

Para compilar o md6sum para utilizar o comando abaixo:

# i686-apple-darwin8-gcc -isysroot /opt/mac/SDKs/Developer/SDKs/MacOSX10.4u.sdk md6sum.c md6_nist.c md6_mode.c md6_compress.c -o md6sum

Agora para finalizar, confira se o binário foi criado corretamente:

# file md6sum
md6sum: Mach-O executable i386

Espero que este documento simples e objetivo ajude a instalação e configuração do ambiente de desenvolvimento para Mac OS. Como sempre menciono… Colaborar atrai amigos, competir atrai inimigos…

Para encerrar, críticas e sugestões: cabelo@opensuse.org
FONTE

65% das empresas que tem 250 funcionários ou mais usam Linux, diz pesquisa do CGI-BR

terça-feira, maio 31st, 2011

Resultado é de pesquisa divulgada nesta quarta-feira (25/5) pelo Comitê Gestor da Internet no Brasil; situação é mais crítica no Nordeste.

Os PCs estão presentes em quase a totalidade das empresas do Brasil, mas em 62% delas a conexão à Internet é de 2 Mbps ou mais lenta. Estes são alguns dos resultados da 6.a Pesquisa sobre Uso das Tecnologias da Informação e da Comunicação no Brasil (TIC Empresas 2010), divulgada nesta quarta-feira (25/5) pelo Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br). O estudo foi conduzido pelo Centro de Estudos sobre as Tecnologias da Informação e da Comunicação (CETIC.br).

No que diz respeito à penetração dos PCs nas empresas, houve estabilidade em relação ao ano anterior, aponta o relatório. Cerca de 97% dos negócios têm computadores. Esse também é o índice de penetração nas pequenas empresas (de dez a 19 funcionários) – mesmo porcentual de 2009. Nas empresas com 50 funcionários ou mais, o índice é de 100%.

Se considerada a atividade econômica, o segmento onde o computador está menos presente é o de “alojamento e alimentação” (89%). Por sua vez, o segmento “transporte, armazenagem e correio” alcança 100%.

Desconectadas
A pesquisa mostra ainda que nem todas as empresas com computador contam com acesso à Internet. No total, 3% afirmaram operar desconectadas da rede. Nas empresas maiores, o cenário muda: 100% das companhias com 250 funcionários ou mais acessam a Internet. Mais uma vez, o CGI.br indica estabilidade dos números. “Isso significa um ponto máximo de expansão do uso do computador nas empresas com mais de 10 funcionários”, afirmou o gerente do CETIC.br, Alexandre Barbosa, em comunicado.

A velocidade da conexão também foi pesquisada. Conexões de até 256 kbps são utilizadas por 10% das empresas, principalmente as com menos de 50 funcionários. A maioria (52%) tem conexões entre 256 kbps e 2 Mbps e 30% têm conexões melhores que 2 Mbps. A região com maior número de empresas com conexões de até 256 kbps é a Nordeste (17%), seguida da Norte (12%).

Em relação ao uso que fazem da Internet, a maioria das empresas (90%) acessa a rede para obter informações sobre produtos e serviços; 81% usam serviços financeiros e bancários; e 98% para enviar e receber e-mail. Só 13% entregam produtos online.

Em termos de infraestrutura, 81% das empresas usam rede local com fio. As redes sem fio estão em 50% do universo pesquisado (em 2009, eram 41%). Entre as empresas com mais de 250 funcionários, o Wi-Fi é utilizado por 86%. Para Barbosa, os números apontam não para uma substituição do cabo pelo Wi-Fi, mas pela utilização simultânea das duas tecnologias.

Presença na web
A presença na web por meio de site próprio está longe de ser unanimidade: 56% das empresas pesquisadas afirmaram ter um site, seis pontos a mais que em 2009. Se consideradas as empresas que usam site ou página de terceiros, esse índice sobe para 63%. Mais curioso é que 10% das empresas com 250 funcionários ou mais não tem site. A categoria com menor presença na Internet é a de comércio (43%).

Os certificados digitais já são utilizados por 53% das empresas, um salto significativo em relação ao índice de 2009 (38%). Além disso, quanto maior o porte, maior a proporção de empresas que utilizam tecnologias de autenticação.

A pesquisa levantou também o porcentual de empresas que utilizam sistema operacional de código aberto, como Linux. Esse tipo de sistema está presente em 30% das empresas pesquisadas – entre as que tem 250 funcionários ou mais, o índice sobe para 65%. Dos que adotam sistemas de código aberto, 57% os usam como servidor, 20% como cliente e 21% como ambos.

O levantamento ouviu 5 mil empresas com dez funcionários ou mais em todo o país.

FONTE: IDG Now